Pages

07 março 2012

Respeite os limites do seu corpo

Cuidado para não se forçar além do limite porque, pressionado, seu corpo se comportará igualzinho a um elástico: tanto você  puxará que ele acabará arrebentando. Cada pessoa tem um biotipo. Se você é pesado, pode morrer de fome, mas jamais alcançará o peso “vendido” pela indústria da moda sem prejudicar a saúde. Se seu tipo é esguio, nem todo o chocolate do mundo lhe proporcionará os seios fartos ou os bíceps Rambo de seus sonhos. No máximo, você acumulará gordurinhas indesejáveis na cintura, pernas ou quadril.
A natureza é sábia. Cada ser nasce com um “programa”. Podemos
interferir nesse “programa” e melhorar seu funcionamento. Mas nunca o
modificaremos completamente.
Ao mudar a alimentação, sua principal preocupação deve ser a saúde. Além de perder peso, claro.

4 comentários:

Nah disse...

Não adianta ser magra e doente né?

Roberta Junqueira disse...

Temos sempre que buscar melhorar o que nos incomoda, mas temos que aceitar nossa realidade, sem saúde não há beleza que resista.

Roberta Junqueira disse...

Temos sempre que buscar melhorar o que nos incomoda, mas temos que aceitar nossa realidade, sem saúde não há beleza que resista.

Meudesafio-Diariodiet disse...

Com certeza emagrecer com saúde